Categoria: Saúde e Bem-Estar

Capa de 'Animais de estimação podem contrair dengue?'

Animais de estimação podem contrair dengue?

Em meio à epidemia de doenças causadas pelo mosquito Aedes aegypti, como a Dengue, o Zika vírus e a Febre Chikungunya, cresce também a preocupação dos donos de pets e fica uma dúvida no ar: será que cães e gatos também podem contrair as doenças transmitidas pelo mosquito? Apesar do Aedes aegypti picar os animais, o inseto pode infectar apenas os humanos.  O homem é o único hospedeiro vertebrado do vírus da Dengue, Zika e Chikungunya.

No entanto, existem outras doenças gravíssimas, como a Leishmaniose e a Dirofilariose, transmitidas também por mosquitos que afetam os pets.

A Leishmaniose é uma das doenças infectocontagiosas mais perigosas, comum em muitas regiões. Os cachorros costumam ser os mais afetados, podendo ter lesões graves no fígado, baço e rins.

Para evitar a ação dos mosquitos, algumas ações são essenciais: 

 

- Tenha vasinhos com citronela plantados em casa (esta planta funciona como repelente natural);
Mantenha telas nas portas e janelas;


- Animais são muito sensíveis aos repelentes. Não é recomendável utilizá-los. Além disso, se um humano estiver por perto, o Aedes provavelmente não irá picar um cachorro ou um gato. Mesmo que acabe picando, não transmitirá nenhuma doença;


- Evite passear com seu pet no horário de maior atividade dos mosquitos;


- Converse com o veterinário sobre a prevenção com vacinas contra Leishmaniose, principalmente em áreas de risco;


- Se o seu pet morar em regiões litorâneas de grande risco para Dirofilariose é interessante conversar com o veterinário para iniciar um protocolo preventivo mensal;


- A água deve ser trocada diariamente, e o recipiente lavado com bucha duas vezes por semana.

 

Na dúvida, consulte um veterinário de sua confiança e peça orientações para manter seu pet bem longe desses mosquitos e doenças.

 

Happy Pet. Happy You.